Slide 1
Página Inicial Notícia

Feminicidio 04/08/2019 Basta ao Feminicidio

Basta ao Feminicidio

Infelizmente, Francisco Morato foi marcada por mais um caso de feminicídio no último final de semana. Priscila de Souza, de 34 anos, foi brutalmente assassinada pelo ex-namorado Paulo Almeida, de 42 anos, que não aceitou o fim do relacionamento.

Em 2019 o Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência, por meio do Serviço de Assistência Médica de Francisco Morato, registrou 403 casos de violência de doméstica, o que marca aproximadamente dois casos por dia em nossa cidade. Sem contar, as mulheres que não aceitam atendimento e não denunciam.

A Delegacia da Mulher de Francisco Morato expediu cerca de 220 medidas protetivas só no primeiro semestre de 2019.
Já de acordo com o Instituto Maria da Penha, uma mulher sofre violência física a cada 7 segundos no Brasil.

Os números alarmantes e preocupantes reforçam ainda mais o alerta para a importância de um trabalho efetivo de políticas públicas em proteção das mulheres e conscientização da população na ajuda de denuncia desses casos.

O Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência de Francisco Morato realiza um trabalho de acompanhamento e prevenção de violência contra as mulheres com orientações e encaminhamentos com uma equipe especializada.

O equipamento é formado por uma equipe interdisciplinar que conta com psicólogas, assistentes sociais e médicas, sendo assim uma referência para as mulheres em situação de violência doméstica e familiar.

O Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência fica localizado dentro do CTA – Centro de Testagem e Acolhimento na rua Virgílio Martins de Oliveira, nº 282, centro de Francisco Morato.

A Prefeitura de Francisco Morato se solidariza com os familiares de Priscila e reforça: Não se calem, procurem ajuda e denunciem. Esse problema é nosso.